O EFEITO DO JEJUM NA DOENÇA HEPÁTICA GORDUROSA NÃO-ALCOÓLICA.

O EFEITO DO JEJUM NA DOENÇA HEPÁTICA GORDUROSA NÃO-ALCOÓLICA.

IMUNOTERAPIA ASSOCIADO À QUIMIOTERAPIA, TEMOS UM NOVO CAMINHO PARA O TRATAMENTO DO CÂNCER DE ENDOMÉTRIO AVANÇADO?
25/04/2023
CURIOSIDADES MÉDICAS.
25/04/2023
IMUNOTERAPIA ASSOCIADO À QUIMIOTERAPIA, TEMOS UM NOVO CAMINHO PARA O TRATAMENTO DO CÂNCER DE ENDOMÉTRIO AVANÇADO?
25/04/2023
CURIOSIDADES MÉDICAS.
25/04/2023

Um estudo avaliou a eficácia e segurança da alimentação restrita a um período de tempo (TRE) versus restrição calórica diária (DCR) em pacientes com obesidade e doença hepática gordurosa não alcoólica (DHGNA).

Um estudo avaliou a eficácia e segurança da alimentação restrita a um período de tempo (TRE) versus restrição calórica diária (DCR) em pacientes com obesidade e doença hepática gordurosa não alcoólica (DHGNA).

O estudo foi um ensaio clínico randomizado de 12 meses, realizado no Hospital Nanfang em Guangzhou, China, e incluiu 88 pacientes elegíveis com obesidade e DHGNA. Participantes foram randomizados para TRE ou DCR por 12 meses e instruídos a manter uma dieta de 1500 a 1800 kcal/dia para homens e 1200 a 1500 kcal/dia para mulheres. Os resultados mostraram que ambas as intervenções reduziram significativamente o conteúdo de triglicerídeos intra-hepáticos (IHTG), peso corporal e fatores de risco metabólicos, sem diferença significativa entre os dois grupos.

O resultado principal foi a mudança no conteúdo de IHTG medido por imagem de ressonância magnética; os resultados secundários foram mudanças no peso corporal, circunferência da cintura, gordura corporal e fatores de risco metabólicos. Foi utilizada uma análise por intenção de tratamento. As mudanças no conteúdo de IHTG foram comparáveis entre os dois grupos em 6 meses e 12 meses. Portanto, o estudo indica que ambas as intervenções são eficazes na redução do IHTG em pacientes com obesidade e DHGNA, sem diferenças significativas entre as intervenções.

Os autores concluíram que o TRE não produziu benefícios adicionais na redução do conteúdo de IHTG em adultos com obesidade e DHGNA.

Fonte: JamaNetwork

doctorhub.com.br

Comments are closed.